Eduardo Moreira inaugura delegacia e autoriza projeto para pavimentação em Pescaria Brava

Eduardo Moreira inaugura delegacia e autoriza projeto para pavimentação em Pescaria Brava

114
0
Compartilhar
Foto: Jaqueline Noceti / Secom

O governador em exercício de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, acompanhado do chefe da Polícia Civil do Estado, delegado Artur Nitz, inaugurou a delegacia do município de Pescaria Brava, e no mesmo ato autorizou a liberação de recursos, via Secretaria de Estado da Infraestrutura, para a elaboração do projeto de engenharia para as obras de pavimentação do acesso rodoviário entre as localidades de Estiva e Siqueiro, no valor de R$ 483,7 mil.

“Segurança é essencial, assim como o investimento em infraestrutura que vai ajudar a comunidade, especialmente, as famílias que trabalham na agricultura. O Estado vai continuar sendo um parceiro para as obras que tragam mais conforto e qualidade de vida para as pessoas”, destacou Moreira.

Emancipado há quatro anos, Pescaria Brava era o único município de Santa Catarina que ainda não contava com uma delegacia da Polícia Civil. “Completamos um ciclo importante com a Polícia Civil presente nos 295 municípios catarinenses, uma estrutura que poucos estados do Brasil possuem”, destacou Nitz, informando que o Sul de Santa Catarina também conta com o Serviço Aeropolicial, atuando desde o município de Paulo Lopes até a divisa com o Rio Grande do Sul.

Com as instalações concluídas, a delegacia da Polícia Civil de Pescaria Brava funcionará das 12h às 19h e realizará atendimento ao público, registro de boletim de ocorrência, ação de polícia judiciária (termo circunstanciado, inquérito e atos infracionais), investigações e fiscalização.

Acesso rodoviário Estiva-Siqueiro

A lei que autoriza o município de Pescaria Brava a firmar convênio com o Governo do Estado para a obtenção de recursos para a pavimentação do acesso entre as localidades de Estiva e Siqueiro foi sancionada em março desse ano.

Para a elaboração do projeto da obra o Estado vai destinar recursos de R$ 483,7 mil. O trecho entre as duas localidades tem 11 quilômetros e concentra aproximadamente 200 famílias de agricultores. A pavimentação vai ajudar principalmente no escoamento da produção de farinha de mandioca, uma das principais atividades agrícolas do município. A via também é utilizada por pecuaristas para o transporte de animais.

“Vamos agora agilizar o processo, para que a obra seja viabilizada e concluída o quanto antes”, disse o secretário de Estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro.

Fonte: Governo de SC

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA