Laguna tem as maiores ondas do Brasil. Desafio de Ondas Grandes é...

Laguna tem as maiores ondas do Brasil. Desafio de Ondas Grandes é lançado

2329
0
Compartilhar
Divulgação

Se depender dos mais de 400 mil internautas que acompanharam nesta sexta-feira, as ondas da praia do Cardoso, ao vivo via internet, e a comissão organizadora do Desafio de Ondas Grandes, Laguna tem as maiores ondulações do Brasil. O pico hoje no Cardoso alcançou mais de 3,5 metros de onda no surfe treino.

Os surfistas e admiradores movimentaram o Farol de Santa Marta e deverá seguir assim. A janela do evento fecha em novembro com a expectativa de ondas grandes para os esportistas de várias partes do Brasil e do mundo caírem na água. O Desafio tem a chancela do WSL.

No período da tarde, em solenidade no centro histórico, organizadores, patrocinadores, surfistas e apoiadores estiveram reunidos na abertura do evento de Desafio de Ondas Grandes. O Governo do Estado repassou R$ 200 mil reais através de convênio com a Associação de Surf Tow-in In Farol de Santa Marta e de Jaguaruna. A intenção é integrar a Praia do Cardoso no campeonato mundial de ondas grandes.

Tem parceria com Fecasurf, patrocínio da Mormaii, Fesporte e prefeitura de Laguna. Com premiação de R$ 50 mil em dinheiro aos competidores.

O atleta catarinense Rafael Becker, conhecedor das ondas de Laguna, classificou o evento como “alucinante” e, principalmente, a apresentação de Laguna para dentro do circuito mundial de ondas gigantes. “O surfe traz público e fomenta o esporte”. Na edição de 2015, Becker esteve nas ondas do Cardoso.

O presidente da Associação de Surf Toiw-In do Farol, Reginaldo Langer, descreveu a data como “um dia histórico e inédito”. Agradeceu a união de todos em prol de um potencial da cidade. Descreveu o padrão de estrutura que o evento precisa de acordo com as normas da WSL. “Maior onda do Brasil é na praia do Cardoso. Hoje estamos divulgando isto para o mundo todo”, apontou. A mídia internacional acompanhou o surfe treino desta sexta-feira.

Lembrou do movimento econômico que este tipo de onda gera, como nas cidades de Nazaré em Portugal e até mesmo a região da Joaquina, em Santa Catarina, transformadas depois de eventos internacionais em suas ondas. “Laguna abriu as portas para o turismo de evento”.

O prefeito Mauro Candemil agradeceu o Governo do Estado em contribuir mais uma vez para a cidade. “Também fico lisonjeada em corresponder as expectativas dos envolvidos no projeto. Estamos tratando disto, desde o início do ano”, disse.

Com a divulgação do Farol de Santa Marta, o turismo deve receber um incremento por toda a cidade, desde restaurantes, hotéis e outros prestadores de serviços.

O secretário estadual do Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, quis deixar claro a importância do investimento em turismo “não é nada supérflulo, é plantar algo que dará muitos frutos. O movimento econômico e a midía espontânea são uma das consequências”, destacou.

O vereador Peterson Crippa frisou a valorização do esporte. “Laguna tem boas ondas e merece reconhecimento. A parceria da iniciativa público e privada com bons projetos é uma solução”, definiu.

Estiveram participando da solenidade: vice-prefeito, Júlio Cesár Wilemann; secretário regional, Felipe Remor; presidente da Fecasurf, Reginaldo Ferreira; presidente da Associação de Surf Town In de Jaguaruna, Maurício Giraldi, secretários municipais e vereadores.

Texto: jornalista Taís Sutero JP 1796

Fonte: Prefeitura de Laguna

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA